Vinho do Porto

Gusta_Vinho

Pesquisas atuais demonstram que o consumo do Vinho do Porto aumenta a cada ano, um acréscimo de quase 6%, o que significa uma venda total de 4 milhões de caixas do precioso Vinho do Porto.

Os dados são do Instituto dos Vinhos do Douro e Porton (IVDP), de Portugal.

Não custa lembrar que Vinho do Porto é um vinho fortificado feito apenas na Região Demarcada do Douro, em Portugal, e apenas com as uvas desta região. Ou seja, não existe Vinho do Porto feito em outro país, assim como Champagne só é feito na região de mesmo nome na França.

O Vinho do Porto é divido em algumas categorias, e as principais são:

Ruby: Vinho que fica pouco tempo em contato com a madeira, conservando assim suas características iniciais. Apresentem coloração mais escura, daí o o termo “rubí”. O armoma mais frutado é uma característica marcante.

Tawny: Aqui o vinho envelhece de 2 a 3 anos em madeira Esse tempo de contato garante ao Tawny maior oxidação, gerando caraterísticas de vinhos mais envelhecidos. A cor, devido à oxidação, perde força e o vinho aparente coloração menos escura, mais para o âmbar. Os aromas aqui são mais para frutos secos, como por exemplo amêndoas.

O mundo dos Portos vai além de Tawny e Rubi. Existem as categorias especias, que são a nobreza do Porto:

LBV: LBV é a sigla e Late Bottled Vintage. São Portos feitos de uma só colheita (ao contrário dos comuns) que seja muito boa. O vinho, antes de ser engarrafado, permanece de 4 a 6 anos em balseiros de madeira, adquirindo complexidade. Após engarrafado pode ser consumido de imediato, vez que o tempo de envelhecimento em garrafa será de pouca valia.

Vintage: Aqui está éden dos Vinhos do Porto. Assim como o LBV, o Vintage é produzido com uvas de uma só colheita. Entretanto, ao contrário do seu primo mais simples, só é concebido quando a vinícola obtém uma safra de uvas excepcional. Ou seja, não há Vintage todo ano.

O Vintage, após feito deve permanecer no mínimo 3 anos engarrafado antes de ser degustado. Aqui, o tempo em garrafa é muito apreciado, conferindo ao Vintage maior complexidade. Um Vintage dura décadas em garrafa.

MOMENTO DE DEGUSTAR

Muitas pessoas me perguntam: Beber o Porto, antes ou após a refeição?

Os ingleses, maior público consumido de Vinho do Porto, têm o hábito de beber Porto após as refeições. Os portugueses, criadores do preciso líquido, bebem como aperitivo antes e/ou após as refeições.

O Porto, por ser um vinho naturalmente doce, deve ser evitado antes das refeições. Se assim for, prefira um Porto Branco seco.

Uma dica: Se for um Ruby, ou um Tawny, você pode degustá-lo antes da refeição. Sendo um LBV ou um Vintage, aproveite-o após a refeição, fechando-a com chave de ouro.

Anúncios

Tags: , , ,

2 Respostas to “Vinho do Porto”

  1. evania Says:

    adoro vinhos cecos,quero receber todos os tipos de informaçoes sobre vinhos se ele engoda,ou se beber muinto dar barriga……..

  2. Gustavo Silveira - gustavogsilveira@hotmail.com Says:

    Prezada Evania,

    Sua sugestão é muito interessante e está anotada para, em breve, ser resenhada aqui.

    Abs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: